Posts tagged with "dicas"

Multiplicando os espaços Categoria(s): Ambientes, Sem categoria

Multiplicando os espaços

Postado por Daniela 18 de abril de 2012

O Fazendo Sala pede licença mais uma vez para provar que morar em um apartamento compacto pode ser sinônimo de habitar um espaço aconchegante, organizado, confortável e pronto para receber visitas.

Os paineis ocupam menos espaço que as cortinas e a cozinha americana elimina paredes e agrega os espaços. A base neutra e a cor clara fazem os espaços parecerem maiores

Aceitar o desafio de decorar ambientes pequenos pode ser um excelente exercício para se livrar de excessos e supérfluos e focar no que realmente é essencial ao bem-estar cotidiano, como o conforto, a praticidade e a funcionalidade, sem esquecer da beleza, claro.  Agora, chega de blá, blá, blá e vamos às dicas e fotos:


Estantes e armários aéreos economizam espaço


-Em espaços menores, apartamentos ou flats de 40 a 70 metros quadrados, é mais prudente optar por uma base neutra. Os ambientes serão aquecidos por cores inseridas em acessórios, objetos, obras de arte e almofadas, por exemplo.

-Cores claras dão a sensação de ambientes maiores. E não vale ficar com medo da sujeira ficar aparente: habitar espaços pequenos também deve ser sinônimo de organização e limpeza.

-Móveis funcionais, como mesas dobráveis, sofás reclináveis, divãs que viram cama e bancadas de apoio podem facilitar a circulação nos momentos de necessidade de mais espaço.

Móveis funcionais, que se transformam, dobram e se multiplicam são perfeitos para os imóveis compactos

-Elimine a barreira das paredes e divida ambientes com estantes vasadas, tapetes, biombos ou balcão gourmet, no caso das cozinhas.

-Humanize e personalize os ambientes. Use fotos, objetos pessoais, coleções, souvenirs e peças que dão conforto e  identidade ao seu espaço.

O papel de parede disfarça o pé direito baixo do mezanino e as plantas humanizam e dão colorido ao ambiente

- Substitua as cortinas, que em geral parecem ocupar muito espaço, por paineis que ficam embutidos quando abertos.

-Vasos com plantas vivas e também artificiais também humanizam e dão cor aos ambientes menores.

Espaços para armazenar, roupas, enxoval, roupas de frio, mantas e travesseiros são sempre benvindos

-Pense e planeje os locais para armazenamento. Os vãos da cama podem abrigar gavetas, as mesas de centro podem funcionar como arcas e baús e os armários aéreos são sempre uma carta na manga.

Agora, se inspire nas fotos do Fazendo Sala e encontre a solução que procurava para decorar o seu “petit” flat !

personalize com fotos, signs e use cores para destacar pontos focais e quebrar a monotonia

Tags:

Aldeia Beijupirá: ambientação tão linda quanto a paisagem! Categoria(s): Ambientes, Sem categoria

Aldeia Beijupirá: ambientação tão linda quanto a paisagem!

Postado por Daniela 3 de abril de 2012

Na Aldeia Beijupirá decor de bom gosto, com foco no conforto e na simplicidade

Refinada e recheada de simplicidade: assim é ambientação da Pousada Aldeia Beijupirá, em Japaratinga . No reduto concebido por Adriana Didier, no litoral de Alagoas, luxo significa conforto, privacidade, despojamento e exclusividade. Adriana, aliás, é mestra em criar ambiências especiais e cheias de personalidade. Quem já foi ao Restaurante Beijupirá, em Porto de Galinhas, nunca esqueceu o decor charmoso e sabe bem do que estamos falando.

Requinte que rima com despojamento e exclusividade

Na Aldeia Beijupirá o bom gosto mora em todos os detalhes e conspira para deixar o local ainda mais convidativo, aconchegante e apropriado ao relax. O uso de matérias-primas nativas e toscas na construção e nos móveis faz com que os hóspedes se sintam ainda mais próximos da natureza. O piso de cimento deixa no ar uma vontade incontrolável de colocar os pés no chão, desejo mais do que lícito quando se está em uma temporada à beira-mar.

A ambientação é praticamente uma continuação da bela paisagem

Na área comum, esquecemos do tempo admirando o acervo de objetos e peças cuidadosamente escolhidos e em total sintonia com o espírito despojado da pousada. A madeira em seu estado quase bruto aparece em forma de mobiliário, deixando a sensação de conexão permanente com a beleza natural que cerca a área externa da pousada.

Em todos os cantinhos, um detalhe caprichado

A ambientação com formas naturais e madeira bruta deixa os hóspedes em permanente conexão com a natureza

Aldeia Beijupirá: aqui está um exemplo de que a decoração pode sim ser uma espécie de continuação da paisagem!

Tags:

As luminárias e o consumo consciente de energia Categoria(s): Sem categoria, Tendências

As luminárias e o consumo consciente de energia

Postado por Daniela 3 de abril de 2012

Luminária Boy’s Lamp, com design de Nika Zupanc

O consumo consciente de energia tem sido uma preocupação crescente no mundo. A La Lampe tem apostado nos consumidores mais comprometidos com essa causa. Dicas simples, adotadas por todas rede, também têm contribuído para baixar o consumo de energia nas lojas.

Uma das ações indicadas é o uso de lâmpadas de baixa tensão (12V) com transformador eletrônico, capaz de economizar 30% em relação às tradicionais.

A luminária Tech, da designer Ivana Rosa, utiliza lâmpadas 12V

Outra dica da La Lampe são as lâmpadas fluorescentes, que produzem 5 a 8 vezes mais luz do que uma lâmpada incandescente de mesma potência. As lâmpadas fluorescentes são ideais para locais que precisam de muita luz ou onde a luz precisa ficar acesa muitas horas por dia. Destaque para a luminária Boy’s Lamp desenvolvida pela designer Nika Zupanc.

O balanço da cadeira gera a energia utilizada pela luminária recarregável

Como o nosso assunto é o consumo consciente de energia, um bom exemplo é a cadeira de balanço Murakami, criada pelo designer americano Rochus Jacob.  A partir do seu balanço natural, a cadeira gera energia para abastecer luminária equipada com a mais nova tecnologia de iluminação OLED, muito econômica e eficiente.

A luminária Solar Spark Lamp também funciona como medidor de consumo de energia

Outro exemplo legal é o abajur  “Solar Spark Lamp“. Quando virado de cabeça para cima, funciona como um abajur. Mas se virado de cabeça para baixo, em contato com a luz solar, será recarregado. À noite, pode estabelecer conexão de Internet Wifi captando dados e informando, através de luzes verde, amarela ou vermelha, a quantas anda o consumo de energia na casa

Tags:

Logo PE Con Sidebar

Vídeo

Instagram Slider

Newsletter

janeiro 2018
DSTQQSS
« ago  
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031 
  
Página 20 de 33« Primeira...10...1819202122...30...Última »